segunda-feira, 1 de novembro de 2010

- Bom dia.

É eu te amo.
Eu vou agradecer por muito tempo todos os seus carinhos e todos os seus beijos e mesmo agora eu ainda vejo você fazendo o meu café, e esquentando o leite e tirando os biscoitos do forno, e você sentava no meu colo e sorria e tudo de repente era certo, e tudo de repente era claro, e para que fome? Se você era parte de um alimento invencível, e você dizia que de amor não se vive, só que eu vivia do teu amor e me alimentava do seu gosto, é eu vivia de suas promessas

Problemas, dores agora não existiam porque você estava aqui do meu lado, e a sua pele branca em contato com a minha era tudo que eu precisava e o seu cabelo tão negro e seus olhos que não sei que cor atribuir, e o que importa cores? O que importa palavras? O que importa? Se agora só lembranças ficaram, e como uma noticia de morte eu sei que chegou o nosso fim.

Toco os meus dedos no piano e a música acabou e a minha voz se acabou e tudo acabou, e a minha boca não carrega o seu mel, e nem seu nome, agora durmo sozinho em algum lugar que eu não sei onde fica, e tudo que eu tenho para te dizer, está escrito em notas mudas que não se pode escrever.

Outro dia ouvi o seu nome e não chorei, foi difícil eu bem sei, só eu sei, e eu sei que agora você esta bem longe, tão longe que eu não posso te buscar, as vezes eu quero te abraçar e te dizer que você é para sempre meu anjo e que eu muito te amo e que em todo instante você é parte da minha vida, eu não vou chorar, eu não vou gritar, você está em algum lugar melhor para você e isso é o que importa, a sua felicidade, e a minha dor uma hora acaba, eu sinto que aos poucos eu vou...vou...apagando você de mim.

Eu sinto que uma hora isso vai acontecer.

Meu anjo no momento eu...
amo...você

É até difícil ainda dizer.

Ariane Castro

P.S: Eu queria saber de onde eu tiro tanto amor, tanta dor, tanta coisa que está além de mim, eu agradeço a Deus sabe por conseguir coisas que não vivo que muitas vezes até me comove.

2 comentários:

Juliana. disse...

Mais com certeza são lindos seus sentidos..escreve muito bem!
Um beijo da Ju

Gêsa disse...

Transcender, é nisso que eu acredito.

Belo texto, (: